Ir para o conteúdo
ou

Organiza aê

0 amigos

Nenhum(a)

0 comunidades

Nenhum(a)

Posts do blog

 Voltar a Blog
Tela cheia

Como fazer a inscrição ou cadastro no Bolsa Família

3 de Agosto de 2017, 14:00 , por Roberto Coelho - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.

O Programa Bolsa Família possui gestão descentralizada, com isso o cadastramento e inscrição de beneficiários fica a critério do município em que a família mora, visando um melhor acompanhamento da situação da mesma.

A inscrição se dá mediante a inclusão da família no Cad-Único (Cadastro Único para Benefícios Sociais do Governo Federal) que é feita, geralmente, pela área de assistência social do município.

Vale ressaltar que toda família pode fazer o Cad-Único, mas nem todas irão receber o benefício, tudo depende da renda per capita familiar, como pode ser visto em quem tem direito ao Bolsa Família?

Vamos ao que interessa?

Como fazer inscrição ou cadastro no Bolsa Família

Veja como fazer a inscrição ou cadastro para receber o Bolsa Família no Cad-Único:

A primeira coisa a ser feita é procurar o Gestor Municipal do Cad-Único junto à assistência social do seu município para obter informações sobre como é feita a inscrição.

Como a gestão é feita pelo município, não há uma padronização no atendimento, alguns trabalham apenas com atendimentos nas residências das famílias, outros com recadastramento das famílias e outros com o atendimento sem agendamento.

Os documentos pedidos também são variáveis, alguns municípios pedem todos os documentos, enquanto outros exigem apenas os documentos básicos para o cadastro, na dúvida leve todos. Veja abaixo a lista dos documentos necessários:

Documentos necessários para fazer a inclusão no Cad-Único:

Comprovante de residência atualizado:

Aconselhamos que se leve um comprovante de residência com no máximo seis meses para que não ocorram problemas. O comprovante de residência pode ser uma conta de água, luz, telefone, IPTU ou quaisquer outros documentos que comprovem o endereço do usuário.

Caso não receba nenhum documento do tipo deve-se emitir uma declaração e autenticá-la em cartório ou pedir para que seja feito o atendimento domiciliar para passar a receber pela tabela do Bolsa família e que se comprove o endereço familiar.

Documentos pessoais dos maiores de idade:

  • CPF;
  • Título de Eleitor;
  • Carteira de Trabalho;
  • Carteira de Identidade;
  • Certidão de nascimento ou casamento;

Documentos pessoais dos menores de idade:

  • Certidão de nascimento ou Carteira de Identidade;