Ir para o conteúdo
ou

Organiza aê

0 amigos

Nenhum(a)

0 comunidades

Nenhum(a)

Mariano Hilário

Tela cheia
 Feed RSS

Blog

24 de Fevereiro de 2015, 21:17 , por Desconhecido - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.

MEC divulga programa de bolsas de estudos para o próximo ano

7 meses, por Mariano Hilário - 0sem comentários ainda

A maioria dos brasileiros que desejam entrar em uma universidade renomada ao menos conhecem o ProUni. Trata-se de uma iniciativa do Governo Federal para prover bolsas de estudo a pessoas economicamente carentes, ou seja, pessoas que não poderiam arcar com as despesas de uma bolsa de estudos em universidades particulares. Com este programa, milhares de estudantes brasileiros tem a possibilidade de conquistar a tão sonhada vaga na universidade e no curso de interesse. Desta forma, o programa vem se mostrando uma grande iniciativa no combate à desigualdade no Brasil.

Sendo assim, os estudantes oriundos de escolas públicas e economicamente carentes veem no programa uma saída para conseguirem crescer na vida e se tornarem ótimos profissionais no futuro. De fato, é um programa que abre portas para que os jovens economicamente desfavorecidos possam conseguir o grande feito de estudar em uma universidade de renome. O processo de seleção adotado pelo ProUni é o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), sendo que os alunos com as melhores notas são gratificados com bolsas de estudo integrais ou de 50% de desconto.

A seleção dos alunos perante as vagas em aberto pelo programa é feita em duas etapas, sendo que na primeira etapa os critérios de seleção são os resultados conseguidos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e o perfil socioeconômico do candidato, e a segunda etapa feita pelas referidas instituições com base em seus próprios métodos de seleção e política interna. Desta forma, é imprescindível que os candidatos pesquisem antecipadamente sobre suas instituições de interesse para posteriormente fazer sua inscrição no programa.

Para realizar a inscrição no ProUni, basta acessar o site oficial do programa no endereço eletrônico prouniportal.mec.gov.br e acessar o link Sistema Prouni. As inscrições para o ano de 2019 ainda não estão abertas, porém, vale ficar atento ao site para obter maiores informações, levando em conta que as instituições que receberão candidatos aprovados pelo programa já estão sendo cadastradas. As datas, apesar de não terem sido confirmadas, estão previstas para janeiro de 2019 e será divulgada pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC).



Instituições Federais que não usam a nota do Exame Nacional de Ensino Médio como forma de ingresso

7 meses, por Mariano Hilário - 0sem comentários ainda

O ENEM (Exame Nacional de Ensino Médio) é uma forma de padronizar o ingresso dos estudantes em cursos superiores ao redor do país, entretanto, algumas universidades não aderiram ao ENEM para exercer suas distribuições de vagas. Você sabe quais são elas? Veja a seguir, instituições Federais que não usam a nota do Enem como forma de ingresso.

A maioria das universidades se utiliza da plataforma do SISU para preencher suas vagas, mas alguns preferem se realizar vestibulares próprios ou de provas que julgam habilidades específicas. No geral, a avaliação pode vir a depender do curso de sua escolha. Para se inscrever, é necessário visitar o site oficial de cada instituição. Conheça as universidades que não aderiam ao ENEM:

  • UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina)
    • Vestibular próprio.
  • UFSM (Universidade Federal de Santa Maria)
    • Vestibular próprio.

Veja abaixo, as instituições que aderiram parcialmente:

  • Furg (Universidade Federal do Rio Grande)
    • SISU e vestibular próprio.
  • Ufam (Universidade Federal do Amazonas)
    • SISU e vestibular seriado.
  • UFBA (Universidade Federal da Bahia)
    • SISU e prova de habilidades específicas
  • Ufes (Universidade Federal do Espírito Santo)
    • SISU e vestibular próprio.
  • UFF (Universidade Federal Fluminense)
    • SISU e prova de habilidades específicas
  • UFG (Universidade Federal de Goiás)
    • SISU e prova de habilidades específicas
  • UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados)
    • SISU e vestibular próprio.
  • UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora)
    • SISU e vestibular seriado.
  • UFLA (Universidade Federal de Lavras)
    • SISU e vestibular seriado.
  • UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais)
    • SISU e prova de habilidades específicas
  • UFMS (Universidade Federal de Mato
    • SISU e vestibular procampo.
  • UFPR (Universidade Federal do Paraná)
    • SISU e vestibular próprio.
  • UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)
    • SISU e vestibular próprio.
  • UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro)
    • SISU e prova de habilidades específicas.
  • UFRR (Universidade Federal de Roraima)
    • SISU e vestibular próprio.
  • UFU (Universidade Federal de Uberlândia)
    • SISU e prova de habilidades específicas.
  • UFV (Universidade Federal de Viçosa)
    • SISU e vestibular seriado.
  • UFVJM (Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri)
    • SISU e vestibular seriado.
  • UnB (Universidade de Brasília)
    • SISU e vestibular seriado.

Como observado, algumas universidades aceitam parcialmente a nota do ENEM, ou abrem ingresso através do SISU somente uma vez por ano. A entrada pode ser na forma do SISU, vestibular próprio, vestibular seriado, vestibular procampo, ou provas de habilidades específicas. A universidade pode ter duas formas de ingresso, então se informa na fundação que você deseja entrar.

As universidades federais são uma oportunidade indispensável para quem deseja cursar o ensino superior sem arcar com os altos custos, mas existem outras opções para você. Você sabia que o Pronatec oferta periodicamente vagas para seus cursos?

Se você está pretendendo iniciar um curso nos próximos meses, é recomendável que acesse os Cursos Pronatec 2019 para mais informações. Esta é uma chance imperdível!